terça-feira, 4 de agosto de 2009

Ei, Léo Moura...

Pedir desculpas não adianta, camarada. Aliás, camarada é o cacete.

Xingar a torcida, como você fez, muito menos. E dizer que se trata de meia dúzia que te persegue é piada ou surdez da sua parte. Ou cara-de-pau. Ou, pior, presunção.

Assim como aconteceu com Juan, seu parceiro da outra lateral, realmente as vaias te acompanham há tempos. E eu posso dizer isso de cadeira - arquibancada, na verdade - porque vou a todos os jogos. E também vaio.

Eu já escrevi isso aqui outra vez, mas vou repetir só pra você - a torcida rubro-negra, salvo raríssimas exceções (o horroroso Wellinton é um exemplo), só vaia quem não demonstra aplicação em campo. Vaia quem não volta pra defesa com o mesmo ímpeto que vai ao ataque. Vaia quem perde esse ímpeto e passa a se achar o dono do time, dando passinhos pro lado, sem suar a camisa. Vaia quem abandona a posição e se manda pra área, onde já está o Adriano. Vaia quem não honra a camisa que chamam de manto.

Por isso tudo e mais um pouco, como seguidas faltas e cruzamentos bizonhos, jogo após jogo, o que deixa clara a falta de treinamento, ela vaia você há tempos.

E veja só que engraçado, Léo: Willians, que há pelo menos meia dúzia de partidas tem jogado tão mal quanto você, esse sim, foi vaiado timidamente depois de uma bola perdida no ataque já no fim do jogo contra o Náutico. Sabe por que Willians não é vaiado, mesmo jogando mal? Porque dá o sangue em campo. Se aplica, demonstra esforço. Não foge de divididas, não volta dando trotezinho pra defesa. Rouba mais bolas que o restante do time todo. Erra dezenas de passes, é verdade. Mas tem ido mais à linha de fundo que você. Tem demonstrado infinitamente mais respeito à instituição Flamengo que você.

Claro que, nessas horas, mesmo após a atitude lamentável que você teve, aparecem cronistas criticando a postura do torcedor que vaia tanto quanto a sua. Eu lembro a esses que você e Juan, que um dia foram chamados de "os melhores laterais em atividade no Brasil", são há muito tempo os piores do time. Irritam a torcida tanto ou mais que o pobre Wellinton. Mas não pelo mesmo motivo. E sim pelos motivos que fizeram vocês terem passagens-relâmpago pela seleção do Dunga. A mesma seleção que sofre até hoje com seus próprios laterais.

Enfim, camarada, corra. Corra bastante amanhã, contra o Goiás, longe da meia dúzia que você afirma o perseguir injustamente.

Domingo que vem temos mais um encontro, eu, você e a torcida do Flamengo.

8 comentários:

Bolinho disse...

Brother, você bem sabe a paciência que tenho e como saou contra vaiar quem tá em campo...mas esse cara, desde o jogo contra o Vitória, torrou minha paciência. Vamos ver como vai ser Domingo, mas estou prevendo um jogo tenso...pra ele.

Edu Mendonça disse...

Se ele não fugir desse jogo de alguma forma...

Aparício disse...

E o difícil é confiar também em Camacho, Bruno Paulo, Petkovic...mas pelo menos eles estão se esforçando muito mais que o Léo.

Edu Mendonça disse...

E o que é o Airton? Meu Deus, ele é o cara mais grosso que passou pelo Flamengo nos últimos anos, chega a me dar vergonha vê-lo em campo distribuindo bordoadas. Um animal.

Tão triste quanto é concluir que, NESSE TIME, o Pet não pode mesmo ser banco.

Equipe Esporte Total disse...

Visita meu blog aí: http://esportetotalbh.blogspot.com/Comente o que achou do blog e participe da enquete.
Desde já agradeço.

Camilo Pinheiro Machado disse...

Edu, vcs tem um bom time, mas cheio de problemas.

O Aírton realmente me assutou. A cada reclamaçao absurda, a cada falta cometida...

E o Adriano se afundou por inteiro na noite mais uma vez. Contra Náutico e Goiás não tinha força nem pra gritar.

Alguns falaram que o Imperador chegou a vomitar na saída do carro, no sábado, chegando ao treino.

Virgílio Dias disse...

Realmente Airton Pisão não dá. Muito grosso. Júnior Baiano Perde?

O problema do Juan e Leo Moura é que os dirigentes estão doidos para venderem, mas nenhum clube se interessou. São umas malas.

Um time que tem Pet como melhor jogador no meio-campo não merece respeito. Que medo...

Edu Mendonça disse...

Quem come cachorro-quente pela manhã não vomita à toa...